Uncategorized

Capítulo XV

Não é possível que eles não tenham ficado juntos. Não é possível. Ou melhor, possível é, que foi o que aconteceu. Mas algo deve ter dado errado, muito errado pelo meio do caminho. E tem de ter sido um mal-entendido, um acidente. Não há outra explicação. Certamente foram feitos um para o outro. Bem, ao menos foram feitos para dar certo por algum tempo, têm muito a ver. Foram feitos para terem uma história juntos, se não eterna, feliz por quanto entendam. Isso é de pensar, de tirar o sono, até de chorar. Não há como deixar de ficar triste. Deve haver uma solução. Deve haver algo que possa ser refeito. E há, há. Tenho certeza. Já sei onde é. É o capítulo quinze, foi lá. Amanhã releio e conserto. Deve haver um jeito de eles ficarem juntos ao final.

2 thoughts on “Capítulo XV”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s